segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Farmácia e Drogaria - Novo piso salarial para Farmacêuticos de Goiás

NOVOS SALÁRIOS DE FARMACÊUTICOS QUE ATUAM EM FARMÁCIAS E DROGARIAS

A partir de 01 de outubro de 2010 os salários dos Farmacêuticos que trabalham em farmácias e drogarias tem reajuste de 4,7%. 

ATENÇÃO: Em novembro o salário já deverá vir com o reajusta e pagando-se a diferença do salário de outubro.

Jornada de segunda a sexta
2 horas diárias R$ 722,00 => 10 horas semanais
4 horas diárias R$ 1.442,00 => 20 horas semanais
6 horas diárias R$ 2.160,00 => 30 horas semanais
8 horas diárias R$ 2.881,00 => 40 horas semanais

Jornada de segunda a sábado
2 horas diárias R$ 900,00 => 10 horas semanais + 4h no sábado = 14h
4 horas diárias R$ 1.619,00 => 20 horas semanais + 4h no sábado = 24h
6 horas diárias R$ 2.340,00 => 30 horas semanais + 4h no sábado = 34h
8 horas diárias R$ 3.058,00 => 40 horas semanais + 4h no sábado = 44h

Convenção Coletiva de Trabalho registrada no site www.mte.gov.br sistema mediador MR066795/2010 em 18/11/2010.

Protocolada na Superintendência Regional do Trabalho nº 46208.008133/2010-89 SINFARGO E SINCOFAGO

fonte: Newsletter do SINFAR-GO

6 comentários:

  1. Parabéns Farmacêuticos do Estado de Goiás... estamos na luta pelo piso no Rio Grande do Norte e na Paraiba... Parabéns e Abraço.. Vamos a luta...

    ResponderExcluir
  2. É amigos, bem que este piso poderia ser aqui tbm no Rio de Janeiro. Estaríamos mais contentes com certeza. Parabéns tbm a vcs aí de Goiás!!!!

    ResponderExcluir
  3. Que isto sirva de exemplo ao Sindicato do RS.Porque o piso dos farmacêuticos gaúchos é uma vergonha.

    ResponderExcluir
  4. Isso precisava ser no mais inteiro

    ResponderExcluir
  5. Verdade... Os Farmacêuticos precisam começar a ver e a entender a necessidade de se aproximar de seus sindicatos.

    ResponderExcluir
  6. Mais uma conquista da classe Farmacêutica, que pouco a pouco vai ganhando seu espaço novamente.

    Farmacêuticos de Goiás, agora lutem para fazer valer tais valores!

    ResponderExcluir